segunda-feira, março 10, 2008

De Novo o Cansaço

Estou cansada do que não muda. Que antigos problemas nunca se resolvam nem deixem de importar.

Estou cansada do que muda demais. De já não conhecer pessoas importantes. De guardar apenas memórias antigas congeladas no tempo que parecem frágeis como algodão doce.

Estou cansada de não poder fazer nada em relação à minha natureza. De não saber ter calma. De querer ser tanto ao mesmo tempo. De não saber o que não quero ser. De querer ficar simplesmente sozinha de tão grande que é tudo o que me preenche e preocupa e está por resolver.

Estou cansada de oscilar tanto entre o estar bem e o menos mal. Mesmo sabendo que não estou sozinha e que tenho quem me agarre se cair! Não há coragem, falta energia e não sei quem sou.

2 comentários:

manuel disse...

alguns dos mesmos pensamentos que me correm pela cabeça..

Cate disse...

Relax ;)